Archive for » September, 2009 «

Thursday, September 10th, 2009 | Author:

QUE GERAÇÃO ESTÁ SENDO ESSA MINHA GERAÇÃO!?…

Fui gerado no final da segunda Guerra e ai começaram minhas odisséias de vivências e conhecimentos de causos, casos e fatos que hoje fazem parte de nossa historia.
Que geração essa minha que pegou minha mãe cozinhando em fogão de lenha, depois passou para o fogão a querosene e logo em seguida o fogão a gas ainda usado por muitos povos embora o fogão eletrico já tenha ocupado seu espaço em um número considerável de usuários. E agora, no auge, a existência do micro ondas. Uma geração que pegou a aceleração da indústria e do tear. Que geração essa minha!…Uma geração que pegou uma presidência ditatorial de Getulio Vargas e seu súbito “suicidio”. Uma geração que ainda pode viver momentos de Carmen Miranda projetando o Brasil para o mundo. Uma geração que vivenciou o primeiro transpante de coração pelo Dr. Barnad e a mesma geração que viu no Brasil o celebre Dr. Pitangui com Operação plastica que revulocionou o mundo. Uma geração que viu a crianção da bicicleta com marcha e a China transformar-se no maior produtor de manufaturados.
Uma geração que viveu a Guerra do Vietnã. Geração que viveu a renúncia de Jânio Quadros e depois a de Nixon nos Estados Unidos. Geração que viveu os momentos de uma filosofia hippie que marcou, buscando o começo de um novo mundo, uma salvação natural, muito embora regada pelo uso de drogas. Geração que vivenciou a primeira ida do Homen ao espaço com Yuri Gagarin embora tenha sido muito discutido a distância que ele afirma haver chegado da terra. Uma geração que vivenciou a ida do homen a Lua, com Neil Armstrong pisando no solo lunar pela primeira vez.( por muitos desacreditada). Uma geração que vive na era da criação do sistema digital, do computador e da internet. Uma geraçào que viveu a libertação da mulher nos anos 60s. A geração da mini-saia, do maiô de duas peças, do moniquine, do fio dental e da depilação femenina. Uma geração que viveu a construção do muro mais vergonhoso já criado com o final da segunda guerra, dividindo as duas alemanhas. Mas também a mesma geração que viu sua derrubada com o reinicio de uma democratização (um pouco capitalista com o aparecimento do novo rico no leste Europeu). Uma geração que viu o crescimento finaceiro do oriente médio das duas guerras do Iraque, da morte de Sadan Russei e a prisão de Noriega presidente do Panamá tirado pelos estados unidos de seu Pais para as prisões Americans. Uma geraçào que vivenciou a morte, pelos Estados,Unidos do maior traficante de drogas Pablo Escobar. Uma geração que sofreu a perda de John Leno, uma morte estupida e sem razão. Uma geração que pode ouvir e curtir uma Elis Regina. Uma geração que vivenciou momentos de tristeza e surpresa com a Morte do rei do Roque Elvis Presley. Uma geração que viu o desenvolvimento do petróleo e seus mais variados produtos e sub-produtos. Uma geração que experiençou a descoberta do Cancer, e vivenciou a descoberta da penicilina que servia pra tudo. Uma geração que viveu as emoções da vitória de uma copa, um bi, um tri, um tetra e um penta. Uma geraçào que ainda vive os ressentimentos de duas bombas atômicas lançadas num pais cujo povo queria projetar-se para o mundo como raça pura. Uma geração que tomou conhecimento da maior chacina até hoje conhecida, a matança dos Judeus ordenada pelo desumano estadista Hitler. Mas também, uma geração que vivenciou a punição de muitos de seus seguidores. Uma geração que saiu do Radio baixo falante, do megaphone, , do disco 45 rotações do disco compacto, e viu o inicio do Fax, do CD e do DVD e do blue ray, Uma geração que viveu a transformação da TV preto e branco para a TV a cores. Uma geração que saiu da Válvula para o transisto. Uma geração que deixou de dançar coladinho para a dança individual (agora podia-se diverter-se dançando sozinho ou sozinha). Uma geração que viu e sofre a mundança do mundo com o covarde atentado e destruição do World Trade Center em New York, por um pequeno grupo de fanáticos muçumanos terroristas. (Uma geração que também sofreu o setembro negro, atentado dos terroristas em Munique. Uma geração que vibrou com o resgate em Entebe pelos Israelences trazendo de volta os refens aprisionados pelos terroristas apoiados pelo presidente Idi Amim Dada, em Uganda. Uma geração que viveu a presença do Xá da Persia que embora tenha ficado 17 anos no poder, não conseguiu mundar nem um pouco o modo daquele povo de ver a vida evolutivamente, que voltou ao privitivismo radical religioso com a entrada do Ayatollah. Uma geração que viu a saida de Nelson Mandela de uma prisão de 17 anos para governar a Africa do Sul, que durante muito tempo foi governanda por um regime radicalmente racial. Uma geração que vivenciou a criação de muitas constituições brasileiras e da queda da ditadura no Brasil pelo presidente Figueiredo. Uma geração que viu a Russia derrubar um aviao com mais de 220 passageiros de não dar satisfação ao mundo. Uma geração que viu os Estados Unidos em represália, invadir Granada e depois não saber o que fazer com a conquista (até para o Brasil quis dar o Pais conquistado). Uma geração que viu as queimadas da amazônia e da Rondônia contribuir com o monoxido de Carbono para a destruição da camada de ozônio. Uma geração que está vivenciando o aquecimento do Globo terrestere. Uma geração que teve os “ The platters” como simbolo da música gostosa dos amantes com “ONLY YOU”, onde seguiu a vinda do Beetles com sua música contagiante mais conhecida como yeyeye. Geração essa nossa que vivenciou o assassinato de dois presidentes americanos John and Bob Kennedy que olharam para o fim de uma Guerra vietinamita que para os Estados Unidos, não interessavan ganhar ou perder, era simplesmente investimento. Uma geração que vivenciou a joven guarda a bossa nova, a lambada e o pagode. Uma geração que pelada era pelada mesmo sem chuteiras ou tennis. Uma geração que vivenciou garrincha, Pele, Maria Ester Bueno e Eder Jofre, projetados no mundo representando o Brasil como os quatro maiores atletas da epoca. Uma geração que vibrou a com a escolha do atleta do Século (Edson Arantes do Nascimento: PELÉ ) Uma geração que viu o divorcio penetrar no País mais católico do mundo, a Italia. Uma geração que teve como brasileiro o homen que mais massa humana consegiu reunir no mundo “João Havelange”, depois de Jesus Cristo, é claro!… Uma geração que vivenciou o casamento mais famoso do mundo; Principe Charles com a logista Diana. Uma geração que viu o desmantelamento do casamento Real e o trágico desastre que tirou a vida da Princesa Diana. Uma geração que vivencioua a morte de Grace Kelly, princesa de Monaco e da morte de Leila Dinis. Uma geração que teve como divertimento cinematográfico, Charles Chaplin. Uma geração que vivenciou a maior produção de livros no mundo e, de livros que foram editados e que também muita gente nunca tomou conhecimento. (é claro!…não temos tempo para ler tudo). Uma geração que teve o Cancer e a AIDS como os dois maiores inimigos do ser humano. Uma geração que pode desfrutar uma nova etapa musical com um Michel Jackson da vida, o idolo Pop desta geração que também sofreu com a sua súbita morte. Uma geração que saiu de uma TVRio, TV tupy, para uma TV Globo tomando conta de um Mercado por muito tempo quase exclusiva. Uma geração que vivenciou a Guerra de Biafra e revoluções africanas, bem mostrada nos filmes Mundo cão. Uma geração que vivenciou a revolução de 31 de março trazendo uma ditadura que durou vinte anos. Uma geração que vivenciou as mortes causadas de alguns presidente brasileiros como Castelo Branco, Costa e Silva e Tancredo Neves. Uma geração que vivenciou a criação de Brasilia com a matança de indios. Uma geração que viu a criação da Rodovia Transbrasil e a mudança da capital Federal para Brasilia. Uma geração vivida com a saida da presidencia exigida pelo povo do presidente Fernando Color de Melo (um ótimo governandor porém, um péssimo político) Uma geração que chorou a morte do lider Martin Lutter King Junior. Uma geração que viveu a mudança de três Papas no Vaticano. Uma geração que viu um homen sem muita instrução (inteligente) ser o presidente do Brasil e ver um País cujo racismo sempre esteve presente, ter como presidente, um negro. (também inteligente) Uma geração que começa a colocar o Criador em segundo ou terceiro plano.
É minha gente!… Esta é minha geração. A geração da globalização, onde o homen esquece da existência Divina.

Jimmy Albuquerque